Área do Aluno

Apaes credenciadas como SERDI participam de reunião com equipe do IEP/Feapaes-MG

A Federação das Apaes do Estado de Minas Gerais (Feapaes-MG), por meio do Instituto de Ensino e Pesquisa Uniapae-MG (IEP Uniapae-MG), realizou na manhã de ontem (29) reunião com 18 Apaes que foram aprovadas para credenciamento como novos Serviços Especializados de Reabilitação em Deficiência Intelectual – SERDI.

Fala de abertura foi feita por Eduardo Barbosa, Superintendente Voluntário da Feapaes-MG

O encontro aconteceu na sede da Feapaes-MG em Belo Horizonte e teve o objetivo de orientar as entidades sobre questões do processo de contratualização, aspectos estratégicos e de organização do Serviço. Estiveram presentes os profissionais responsáveis pelo SERDI e também alguns Gestores Municipais de Saúde.

Participaram representantes das entidades de Aimorés, Capelinha, Carlos Chagas, Espinosa, Formiga, Fundação Educacional Clarice Albuquerque (Montes Claros), Capelo Gaivota (Montes Claros), Guanhães, João Monlevade, Juatuba, Lima Duarte, Malacacheta, Nanuque, Pirapora, Porteirinha, Raposos, Salinas e Taiobeiras.

Apresentação da Coordenadora Técnica do IEP Uniapae-MG, Natália Fioravante Diniz

Eduardo Barbosa, Superintendente Voluntário da Feapaes-MG, abriu o evento passando orientações sobre as Apaes que compõem a Rede de Cuidados à Pessoa com Deficiência em Minas Gerais. Natália Fioravante Diniz, Coordenadora Técnica do IEP Uniapae-MG, deu continuidade falando sobre os desafios dessas entidades na gestão e operacionalização do Serviço, com o apoio do Superintendente do IEP Uniapae-MG, Sérgio Sampaio Bezerra.

E, encerrando a reunião, a Procuradora Jurídica da Feapaes-MG, Maria Tereza Cunha, falou sobre os aspectos jurídicos de contratualização do Serviço.

Maria Tereza Cunha, Procuradora Jurídica da Feapaes-MG, encerrou a reunião falando sobre os aspectos jurídicos do Serviço

O que é SERDI?

Existem aproximadamente 150 serviços de reabilitação intelectual da Rede de Cuidados à Saúde da Pessoa com Deficiência do SUS/MG que oferecem tratamento às pessoas com deficiência intelectual, assim como às pessoas com transtorno do espectro do autismo.  Destes, 133 são Serviços Especializados em Reabilitação da Deficiência Intelectual (SERDI), e 17 são Centros Especializados em Reabilitação (CER) geridos pelas Apaes.

Os SERDI são serviços que atendem apenas a deficiência intelectual, já os CER são serviços que atendem mais de uma modalidade de deficiência. Todos os serviços realizam a avaliação, diagnóstico e acompanhamento dos usuários.

Para acesso aos serviços de reabilitação intelectual o usuário deve procurar a Secretaria Municipal de Saúde de seu município, para que, através das Juntas Reguladoras, sejam encaminhados para os serviços.

Fonte: http://www.saude.mg.gov.br/reabilitacaointelectual

Clique aqui e conheça nossos cursos a distância na área da Saúde!